Tudo Tem Se Limite



Tudo Tem Se Limite

Bô pápá ca foi foguêr Nem tampóc rochegadôr Nem marinhêr nem catraêr Nem carpinter nem pêdrêr Nem pêder nem pescadôr E nem tembê um catadôr Dificuldade bô ca conchêl Pobreza pa bô ê lenda de gente gentil Bô liberdade bô ca brigál Bem dzêm'quem bô ê na vida Pa julgá realidade Dess nôss pais

Pa móde cristôm ta estód calóde E justiça de povo nunca tem voz Lá de bô tribuna bô ta insultá E caluniá'tê Deus na ceu Ma cma debóxe de ceu tudo tem seu limite Bô pudêr ca ê infinito O li ê que ê Cabo Verde